Não perca seus compromissos

Loading...
Loading...

Páginas

Pesquisar este blog

sábado, 27 de junho de 2009

ELIS,agora ela é uma estrela


Lembro-me muito bem eu estava no Guarujá,naquele dezenove de janeiro de 19982,era uma tarde ensolarada,bem típica dos dias de verão,já se aproximava o pôr-do-sol,a brisa do mar dava aquele frescor,refrescando os vários banhistas que naquela orla trafegavam.Foi quando recebi a notícia de minha mãe que Elis Regina tinha morrido.Meu coração se acometeu de um vazio imenso,pois admirava e muito o que aquela artista fazia com a voz e, o rítmo que poucas cantoras até hoje no Brasil possuem.Saí caminhando pelo calçadão da praia e, sentei-me em um banco de frente pro mar.Meditando ali sobre a morte da Elis,vi o quanto somos vulneráveis.Elis tinha morrido de overdose e, eu não acreditava.Como poderia uma pessoa tão consciente,morrer de uma forma assim tão descuidada.Mas,fiquei ali...,devo ter feito uma oração e,voltei para o meu apartamento.De volta á Uberaba,fiquei sabendo por intermédio de meu primo Luiz de Minas,que o último namorado de Elis,havia estado em Uberaba,e que em roda fechada de amigos dissera,que havia telefonado pra ela insistentemente,e ninguém atendia.até que quando consegui falar com ela,viu que ela já estava sem voz.Foram encontradas no corpo de Elis,grande quantidade de cocaína e vódka.Segundo o namorado,eles haviam tido uma briga e,que quando notou seu estado,chegando em seu apartamento já não dava mais tempo.Elis Regina estava morta!Fato ou boato,Isto pra mim foi uma auto-afirmação:FOI SUICÍDIO!!Elis morreu de amor.Como todos os amantes da arte,os poetas,"Julietas",Não conseguira viver sem amor.A cantora já havia sido casada com Ronaldo Bôscoli,com o qual teve um filho do meio artístico,João Marcelo Bôscoli.E com o músico tecladista Cézar Camargo Mariano,com o qual teve dois Maria Rita e Pedro Mariano.Seu primeiro "LP" foi "Viva a Brotolândia"de 1961 e, seu último "O trem azul" de 1982.Existem tres biografias feitas em seu nome:"Eles e eu"Memórias de Ronaldo Bôscoli,"Furacão Elis" e, "Noites tropicais" de Nelson Motta.Recentemente nos lembramos dela com uma música sua fazendo muito sucesso numa novela da telina."Alô,Alô Marciano",de Rita Lee e Roberto de Carvalho,nos deram alegria nas noites da semana.Na interpretação alegre que só a Pimentinha,como era chamada,nos podia dar.De Elis Regina só resta uma palavra:SAUDADE."Agora ela é uma estrela".